Exclusivo: documentos revelam pagamentos a pastores na pré-campanha eleitoral em Manaus

Logotipos do Avante e da Base Cristã-AM (Composição de Mayana Lopes/CENARIUM)

Durante a pré-campanha eleitoral em Manaus, que se estende até 15 de agosto, pastores evangélicos poderão receber até R$ 2,5 mil, conforme documentos obtidos junto a funcionários do partido Avante, liderado pelo prefeito e candidato à reeleição, David Almeida.

Os documentos incluem três listas contendo os nomes de pastores e os valores associados. A Instituição Base Cristã do Amazonas, presidida pelo pastor José Carlos Porto Silva, é destacada nos documentos. A entidade reúne 24 convenções evangélicas na capital amazonense.

José Carlos Porto Silva, que participou do arco de aliança do governador Wilson Lima (União Brasil) nas eleições gerais de 2022, é um dos principais nomes vinculados ao Avante.

Detalhes dos Pagamentos

De acordo com os documentos, cada presidente das convenções da Base Cristã do Amazonas receberá R$ 2,5 mil, totalizando R$ 42,5 mil para 17 líderes. Uma segunda lista menciona esses 17 nomes mais 22 pastores adicionais, cada um recebendo R$ 2 mil, somando R$ 78 mil. Uma terceira lista detalha os cargos e as instituições dos pastores, com anotações como “RECEBIDO” e “FECHADO” ao lado dos valores.

Lista de valores direcionados aos líderes das convenções que formam a Base Cristã/AM (Reprodução)
Lista de valores direcionados a pastores da Base Cristã/AM (Reprodução)
Lista de presidentes das convenções da Base Cristã – AM (Reprodução)

A Revista CENARIUM tentou contato com o Diretório Municipal do Avante e com o pastor José Carlos Porto Silva para comentar o assunto, mas não obteve resposta.

Baixas no Apoio Evangélico

David Almeida enfrentou perdas significativas no apoio evangélico. Quatro instituições evangélicas retiraram seu apoio entre janeiro e abril deste ano, refletindo o impacto na base cristã que representa quase metade da população adulta de Manaus, segundo o IBGE.

No final de abril, o Ministério Internacional da Restauração (MIR), liderado pelo apóstolo Renê Terra Nova, declarou apoio a Alberto Neto (PL), adversário de David Almeida. A Igreja Evangélica Assembleia de Deus no Amazonas (Ieadam), com liderança do deputado federal pastor Silas Câmara (Republicanos), também indicou possível apoio a Roberto Cidade (União Brasil).

As igrejas Sara Nossa Terra e Mundial do Reino de Deus também mudaram seu apoio para Alberto Neto. O líder da Sara Nossa Terra, Robson Mantovani, incentivou seus fiéis a apoiar Neto e o ex-presidente Jair Bolsonaro em um evento em Manaus. Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Reino de Deus, reforçou o apoio a Alberto Neto, prevendo que ele seria “o melhor prefeito que Manaus já teve“.

Com informações da Revista CENARIUM