‘Nenhum ataque hacker alcançou programa das urnas’, diz Barroso

A sexta edição do Teste Público de Segurança (TPS) foi concluída com cinco constatações relevantes para melhorias a serem feitas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No entanto, nenhum ataque foi bem-sucedido quando se trata da segurança da urna ou do software do dispositivo de voto eletrônico.

Dos 29 planos apresentados por 26 especialistas, 24 não obtiveram sucesso ao tentar ultrapassar as barreiras de segurança. Os cinco planos que avançaram foram chamados de “cinco achados relevantes” e serão corrigidos.

“Ninguém conseguiu invadir o sistema e oferecer risco para o resultado das eleições. Nenhum dos ataques hacker conseguiu ser bem-sucedido ao software da urna”, afirmou o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta